Quick News

4BTS

Yurik Carvalho teve competição difícil no Super Kart Brasil 6


| 10 anos atrás | Por:


Prejudicado por batidas e a quebra do freio, piloto ainda conseguiu fazer corridas de recuperação

Neste final de semana, dias 30 e 31 de março, o paulista Yurik Carvalho (Splash Bar | Birel | Colégio Fereguetti | AMF Kart Parts), de 13 anos, disputou a sexta edição do Super Kart Brasil. As quatro corridas do final de semana foram realizadas no Kartódromo de Interlagos, em São Paulo, e Yurik finalizou a competição com a 14ª posição na categoria Júnior.

As atividades de pista foram iniciadas na quarta-feira, com os treinos livres. Completamente adaptado ao chassis Bravar o piloto logo conseguiu um bom acerto para o traçado “invertido” de Interlagos e passou a registrar os melhores tempos das sessões. Muito dedicado o piloto, com o apoio técnico da equipe Camargo Racing e da Moa Competições, partiu confiante para as tomadas de tempos e as corridas, que seriam disputadas duas na sexta e, mais duas, no sábado.

Na sessão classificatória Carvalho registrou o tempo de 51s765 o que lhe rendeu a sétima posição do grid de largada da primeira prova. Com determinação o piloto partiu para a primeira corrida, mas, um forte toque em sua traseira o tirou da pista levando-o para a última posição do pelotão. Com belas ultrapassagens o piloto ainda conseguiu superar oito concorrentes para finalizar a bateria na nona posição. Ainda na sexta-feira foi disputada a segunda corrida. Yurik partiu da nona posição, superou vários concorrentes e, quando vinha em terceiro, foi atingido em cheio por um adversário. Seu kart saiu da pista e ele rodou. Rapidamente sua equipe o recolocou no traçado, mas, sem chances de lutar pelas primeiras posições, acabou recebendo a bandeirada novamente na nona posição.

O sábado começou com nova tomada de tempos e Carvalho fez o quarto tempo. A competitividade desta classe estava tão grande que os seis primeiros colocados do grid tiveram seus tempos separados por 81 milésimos. Na primeira corrida, como se fosse um “replay” da primeira, Yurik tomou um forte toque na traseira do kart jogando-o para a última posição do grid. Em uma corrida de recuperação, onde fez inclusive a melhor volta da corrida, o piloto conseguiu finalizar na décima posição. A última e decisiva corrida foi disputada na tarde de sábado. Yurik conseguiu uma boa largada e já partira para cima de seus concorrentes, mas, a cinco voltas para o final teve de abandonar a corrida em virtude da quebra do cabo de freio.

“Foi um final de semana muito complicado. Conseguimos fazer um kart rápido, mas, em diversas condições diferentes nas corridas não tive muita sorte. As batidas e, no final, a quebra do cabo de freio realmente me deixaram na mão. Valeu como experiência e espero ter melhor sorte na terceira etapa do Light, daqui a duas semana, em Aldeia da Serra”, finalizou o piloto de 13 anos.

Foto: Flávio Quick

Comments are closed.