Quick News

URacer Banner

Victor Hugo Matzenbacker ficou com 6º lugar em Cascavel e fez bons treinos para o Brasileiro


| 9 anos atrás | Por:

“Detalhes farão a diferença no Campeonato Brasileiro”, aposta o piloto gaúcho

Disposto principalmente a treinar e desenvolver seu equipamento para o Campeonato Brasileiro, o piloto Victor Hugo Matzenbacker disputou a 2ª etapa do Sul-Brasileiro no último final de semana em Cascavel (PR). Piloto também da Graduados, o gaúcho optou por competir apenas na Sudam Júnior, categoria que terá seu Brasileiro disputado igualmente no Kartódromo Delci Damian, situado naquela cidade paranaense.

Matzenbacker viveu um final de semana complicado e tinha como objetivo conhecer melhor a pista sede do campeonato nacional e testar os equipamentos que usará na competição, em julho. O mau início fez com que o piloto obtivesse uma posição de largada abaixo de sua capacidade, o 14º lugar para a primeira das duas baterias da programação.

A opção para que Victor Hugo retomasse seu lugar entre os que lutariam pela vitória foi a troca de motor. Ainda assim o piloto precisou de quatro voltas para acertar a carburação, o que lhe custou a perda de mais duas posições. Ajustes feitos, Matzenbacker pôde finalmente competir de igual para igual com seus adversários e, em uma bela recuperação, finalizou a primeira bateria em 6º.

Na segunda bateria, disputada no domingo, o adversário da vez foi a chuva. Na corrida Victor Hugo Matzenbacker estava em um bom terceiro lugar e, sem condições de lutar pela vitória, administrava sua posição quando tocou em uma zebra e rodou. Sem desanimar, ele empurrou seu kart e voltou à pista, mas perdeu algumas posições. Novamente em bela recuperação, ele receberia a bandeirada outra vez em 6º.

Os pontos somados com os resultados das duas baterias colocaram Victor Matzenbacker em 6º, empatado com o 4º e o 5º colocado. “Um descuido na segunda bateria acabou me custando caro. Eu poderia ter terminado em terceiro na bateria e na etapa, mas estou contente mesmo assim, pois confirmamos que estou competitivo para o Brasileiro”, avalia Matzenbacker. “Ainda temos muito trabalho pela frente, pois a categoria é equilibrada e detalhes é que vão fazer a diferença”, finaliza o piloto, que reside em Passo Fundo (RS).

Comments are closed.