Quick News

URacer Banner

Super Kart Brasil agrega nova categoria para disputa em Nova Odessa


| 9 anos atrás | Por:

Com a entrada da Super F4, oitava edição do evento contará com sete categorias em disputa no mais novo circuito do país

A menos de um mês da realização do SKB-08, os organizadores da competição – sete dos maiores nomes do kartismo brasileiro – anunciaram a entrada de uma nova categoria no Super Kart Brasil.

O evento em Nova Odessa, no interior de São Paulo, marcado para os dias 25 e 26 de agosto, terá, além das já tradicionais categorias de motorização 2 tempos e 125 cilindradas, a Super F4, que abre o SKB aos pilotos adeptos de motores quatro tempos de ciclo.

Dessa forma, serão sete categorias em disputa, já que, além da Super F4, a Júnior Menor, Júnior, Super Cadete, Sudam, Sênior e Shifter também correm na cidade que fica a cerca de 100 km da capital paulista.

“Os motores quatro tempos e a categoria Super F4 já são há alguns anos uma realidade do kart brasileiro. Como nosso objetivo é ter, no SKB, as principais categorias e seus principais pilotos, a chegada da Super F4 abre espaço para os motores quatro tempos que têm cada vez mais representatividade no esporte”, avalia Ruben Carrapatoso, campeão mundial de kart e um dos promotores do Super Kart Brasil.

O SKB-08 vai marcar a inauguração oficial do Kartódromo MMoa, construído em Nova Odessa, cidade próxima à Campinas. O complexo é o mais novo e um dos mais modernos do país, apto para receber eventos de grande porte. Entre os destaques do circuito estão suas incríveis 172 opções de traçado.

“O lema do Super Kart Brasil é ter os melhores pilotos correndo com os melhores equipamentos nas melhores pistas. Diante disso era natural que fizéssemos uma edição em Nova Odessa, e inaugurar a pista foi uma grande honra que recebemos como sinal de reconhecimento ao trabalho feito no SKB”, comentou Carrapatoso.

Além do interesse de pilotos do Brasil todo em competir no alto nível técnico do SKB e em uma nova pista, a oitava edição tem uma dose extra de atrativos. Será a prova que vai definir a maior premiação já oferecida na recente história do Super Kart Brasil, lançado em 2010. Três pilotos – um da Júnior, um da Graduados e um da Sênior – serão contemplados com uma vaga para disputar o Skusa Super Nationals, o maior evento de kart dos Estados Unidos, realizado em Las Vegas no mês de novembro.

Para definir os campeões, serão consideradas as participações de cada piloto nas quatro edições realizadas pelo evento este ano (SKB-05, 06, 07 e 08). Embora cada edição seja única e tenha seus campeões, os organizadores determinaram um sistema de pontos exclusivo para definir os vencedores dos prêmios. Confira como está essa classificação até o momento:

Júnior
01 – Vinícius Paparelli, 162
02 – Vítor Baptista, 115
03 – Mauro Auricchio, 98
04 – Leonardo Gimenes, 82
05 – Bruno Bertoncello, 75
06 – Sérgio Sette Câmara, 74
07 – Yurik Carvalho, 73
08 – Zaya Fontana, 72
09 – Pietro Rimbano, 66
10 – Matheus Leist, 56
11 – Giuliano Raucci, 54
12 – Rafael Martins, 51
13 – Luca Castiglia, 49
14 – Fernando Bueno, 29
15 – Enzo Bortoleto, 28
16 – Gabriel Sereia, 24
17 – Felipe Ortiz, 24
18 – Pedro Piquet, 16
19 – Matheus Marine, 12
20 – André Castro, 5
21 – Gabriel Almeida, 2

Graduados/Sudam
01 – Olin Galli, 174
02 – Renato Júnior, 99
03 – Gabriel Casagrande, 92
04 – Alain Sisdeli, 83
05 – Antônio Furlan Neto, 54
06 – Andre Pedralli, 43
07 – Ariel Varella, 42
08 – Victor Franzoni, 31
09 – Victor Caliman, 28
10 – Gustavo Miazawa, 27
11 – João Vieira, 24
12 – Felipe Guimarães, 20
13 – Italo Leão, 20
14 – Tuka Rocha, 20
15 – Gabriel Robe, 16
16 – Vancler Moreira, 15
17 – Jean Aguiar, 12
18 – Luca Travaglini, 12
19 – Emilio Gotze, 12
20 – Fabio Raupp, 9
21 – Johilton Pavlak, 9
22 – Gaetano di Mauro, 8
23 – Joaquim Junqueira, 7
24 – Guilherme Salas, 7
25 – Flavio Matheus, 7
26 – Lucas Alves, 6
27 – Bruna Tomaselli, 6
28 – Giulliano Forcolin, 5
29 – Caio Freire, 5
30 – Dudu Dieter, 4
31 – Gabriel Robe, 3
32 – Nelsinho Piquet, 2
33 – Leandro Guedes, 2
34 – Gustavo Frigotto, 1

Sênior
01 – Antonio Ventre, 167
02 – Eduardo Dieter, 111
03 – Renato Turelli, 110
04 – Diogo Zucarelli, 104
05 – Fernando Gomes Croce, 90
06 – Alessandro Xavier, 63
07 – Vitor Caliman, 52
08 – Jorge Borelli, 45
09 – Tuka Rocha, 41
10 – Vinicius Escarlate, 41
11 – Marcelo Meneghel, 40
12 – Ricardo Thomaz, 39
13 – Raphael Martim, 37
14 – Adriano Pizzonia, 32
15 – Danile Croce, 22
16 – André Matinha, 17
17 – Thomaz Fae, 17
18 – Rodrigo Kubiczewski, 11
19 – José Augusto Dias, 10
20 – Leandro Possenti, 10
21 – Peter Gottschalk, 9
22 – Doglas Pierosan, 8
23 – Paulo França, 6
24 – Lincon Farias, 6
25 – Victor Simões, 6
26 – Waldir Belizário, 5
27 – Adriano Filadoro, 4
28 – Ricardo Arantes, 4
29 – Luiz Henrique Bonatti, 2
30 – Ricardo Gora, 2

Comments are closed.