Mineiro de Kart | F-Minas

MG Tires Banner

Quase 40 pilotos movimentaram a terceira do Mineiro de Kart


| 9 anos atrás | Por:
Foto: Flávio Quick - Fernando Buzollo venceu as duas corridas na classe Super Master.

Foto: Flávio Quick - Fernando Buzollo venceu as duas corridas na classe Super Master.

Prova disputada neste sábado também valeu vagas para o GP RBC

O Kartódromo RBC Racing, em Vespasiano, região metropolitana de Belo Horizonte, abriu seus portões neste sábado (16) para as disputas da terceira rodada do Campeonato Mineiro de Kart. O evento, disputado em sistema de rodada dupla, foi válido pela quinta e sexta etapas da competição.

A disputa tomou ares ainda mais acirrados uma vez que os vencedores das corridas da quinta etapa tiveram, automaticamente, a classificação para o Grande Prêmio RBC de Kart. Esta competição, que terá vez no mês de dezembro, no Kartódromo de Interlagos, oferecerá uma das maiores premiações do kartismo brasileiro.

A programação começou com as disputas das categorias Mirim e Cadete. A primeira bateria teve briga intensa entre Samuel Gontijo e Matheus Ferreira. Ambos se revezaram na primeira posição até que Samuel conseguiu se garantir na liderança e venceu com Ferreira em segundo. Pela Mirim o jovem Ayrton Gil garantiu a vitória com Edson Las Casas em segundo e Reno Jahel, em terceiro. Na segunda corrida Samuel novamente venceu na Cadete, desta vez sem perder a liderança em nenhum momento. Matheus foi o segundo e Thiago Neves, o terceiro. Na Mirim, nova vitória de Ayrton, seguido por Las Casas e Reno Jahel.

As duas corridas da Júnior Menor foram bastante diferentes. Após fazer a pole-position Leonardo Resende venceu a primeira bateria. Aproveitando-se da briga entre Gabriel Gonçalves e Gustavo Zwetkoff o piloto abriu vantagem e ganhou de ponta-a-ponta. Gustavo, na metade da prova, assumiu a segundo posição e tirou bastante a vantagem, mas, não o suficiente para atacar o líder. Assim, Gustavo chegou em segundo e Gabriel em terceiro. Na prova da sexta etapa, por sua vez, Gustavo ficou com a vitória após uma ultrapassagem dupla sobre Resende e Gonçalves. Gabriel acabou cruzando a linha em segundo e Leonardo, em terceiro.

Nas baterias da F-400 a competitividade foi a palavra de ordem do dia. Na primeira corrida, enquanto as brigas no pelotão intermediário pegavam fogo, Humberto Alves e Ronaldo Staico travavam um grande duelo pela liderança. Staico acabou ficando com a vitória seguido por Humberto e Alef Pantuza. Na segunda bateria, após um toque ainda na primeira volta, Humberto caiu para a última posição. Com determinação o piloto passou então para uma impressionante prova de recuperação. Volta a volta ele conseguiu recuperar posições até que, na última volta, assumiu a liderança e venceu a prova com Daniel Cançado em segundo e Staico, em terceiro.

Dando sequência as corridas foi a vez da classe Sprinter tomar o circuito. Lucas Nogueira partiu da liderança e manteve-se na dianteira nas três primeiras voltas. Um problema nos freios, porém, fez com que o piloto rodasse na terceira volta, deixando a primeira posição com Sérgio Sette Câmara. Sérgio, por sua vez, duas voltas depois, teve o cabo de acelerador rompido obrigando-o a abandonar a prova. Melhor para Evandro Bambirra que, com isso, assumiu a liderança e venceu a prova seguido por João Vitor Gontijo e Lucas Nogueira. Na segunda bateria o nome da vez foi de Lucas Nogueira. Com duas voltas completadas o piloto já estava na primeira posição. Destaque também para Sergio Sette Câmara que, depois de largar da última posição, demorou três voltas para chegar ao segundo posto. Daí por diante a corrida seguiu sem grandes alterações até a última volta quando, Pedro Guilherme, que vinha em terceiro, ultrapassou Sergio que, por sua vez, deu o “xis” e cruzou a linha na segunda posição. Pedro chegou em terceiro.

Encerrando o sábado de competições a classe Super Master foi para a pista. A pole-position foi de Igor Amaral que, após bela largada, manteve-se na ponta seguido por Fernando Buzollo e Bruno Fusaro. Os três não demoraram para se distanciar do restante do pelotão e travar uma briga particular. Bruno superou Buzollo e passou a pressionar Igor. Fusaro esperou até a última volta para tentar o bote e, a três curvas para o final, tentou a manobra. Os karts se tocaram e os dois pilotos acabaram rodando. Com isso, Buzollo ficou com a vitória seguido por Flávio Costa e Leonardo Silva. Na segunda bateria do dia a vitória, de forma tranquila, ficou novamente com Buzollo. O piloto partiu da primeira posição e, de ponta-a-ponta, abriu grande vantagem para completar as 20 voltas no primeiro lugar. Igor Amaral, que largou no sexto lugar, chegou em segundo depois de bela recuperação. Leonardo Silva, por sua vez, travou grande batalha com outros quatro pilotos, e cruzou a linha de chegada em terceiro.

O Campeonato Mineiro de Kart voltará à cena daqui a três semanas. No mesmo Kartódromo RBC Racing a competição terá seu prosseguimento no dia sete de julho, sábado, com a quarta rodada do ano.

GP RBC classificou oito pilotos nesta rodada

Assim como anunciado os vencedores de todas as categorias na quinta etapa conquistaram vagas para o Grande Prêmio RBC. Nesta temporada esta foi a primeira competição classificatória no estado de Minas Gerais e vários pilotos vieram para as provas especificamente com este objetivo.

De forma inovadora, nas classes que houveram agrupamento de categorias, os pilotos conquistaram as vagas de acordo com suas cédulas desportivas, tendo-se ao final do dia mais oito pilotos classificados para a competição.

Confira os classificados deste sábado: Mirim – Ayrton Gil; Cadete – Samuel Gontijo; Júnior Menor – Leonardo Resende; Novatos – Evandro Bambirra; Graduados – João Vitor Gontijo; F-400 – Ronaldo Staico; Sênior “B” – Fernando Buzollo; Super Sênior – Flávio Costa Martins.

Foto: Flávio Quick – Fernando Buzollo venceu as duas corridas na classe Super Master.

Comments are closed.