Quick News

Pedro Cardoso representa o Brasil no Pan-Americano da Rotax


| 8 anos atrás | Por:

Pela categoria Júnior Max piloto de Brasília irá competir em New Orleans, nos USA

Após as contundentes vitórias do último final de semana, na Copa São Paulo Light de Kart, o piloto brasiliense Pedro Cardoso (Omnicom| adidas | Sabiá Racing | RBC | XYZ Live) embarcou para os Estados Unidos. Neste final de semana, até o domingo, dia 13, ele disputará o Campeonato Pan-Americano de Kart Rotax. As provas serão disputas no Kartódromo NOLA Park, na cidade de New Orleans, Louisiana.

Cardoso, que atualmente compete pela classe Júnior Max, foi um dos grandes destaques no ano nessa categoria na Copa Granja Viana. Com 13 anos ele já tem bastante experiência com esta equipamento. Em 2012 foi o campeão do Florida Winter Tour, venceu uma prova no Festival Brasileiro e, agora, surge como forte candidato na disputa intercontinental.

Um dos motivos que levou Pedro a participar desta disputa foi a possibilidade de classificação para as Olimpíadas do Kart. Este evento, realizado anualmente pela Rotax, terá vez neste mesmo Kartódromo, entre os dias 14 e 17 de novembro. A pista do NOLA Park é uma das mais modernas dos Estados Unidos. Seu traçado conta com mais de 1500 metros de extensão e a infraestrutura é de dar inveja a qualquer país do Oriente Médio.

A programação do Pan começou ontem, com seis sessões de 10 minutos de treinos livres. Hoje, quinta, os karts voltaram ao traçado para mais quatro treinos. Amanhã, então, será realizada a tomada de tempos e primeira corrida classificatória. No sábado será disputa mais duas corridas classificatórias. No domingo, então, será realizadas a Pré-Final e a Final.

Para chegar ao título do Pan-Americano o piloto soma pontos durante todas as provas. O final da primeira prova gera o grid da segunda. A soma das duas primeiras o grid da terceira e, assim sucessivamente até a Final, que também vale pontos. Ou seja, não necessariamente o vencedor da corrida final será o Campeão.

“Estou muito animado para as disputas desse Pan-Americano. Estou competindo com a equipe oficial da CRG, a PSL Karting, um dos times mais experientes dos Estados Unidos. Já corri com eles em outras oportunidades e, apesar de ser a vaga mais difícil para as Olimpíadas, tenho certeza que com determinação e um trabalho sério poderemos chegar a este título”, comentou o jovem piloto de 13 anos.

Foto: Luiz Pinheiro – Divulgação

Comments are closed.