Quick News

Mega Kart manteve escrita e conquistou novas vitórias em São Paulo e Rio de Janeiro


| 7 anos atrás | Por:

Destaque ficou para invencibilidade em categoria que permite utilização de chassis importados

Competindo em três campeonatos e em dois Estados diferentes, a Mega Kart, fabricante de chassi e componentes para o kartismo nacional, comemorou novas vitórias e manteve a escrita de vencer a cada final de semana desde que a atual temporada foi iniciada, ainda em fevereiro. Desta vez as vitórias vieram na Copa São Paulo Granja Viana, no Campeonato de Paulínia e no Campeonato Serrano.

Em Cotia, na Grande São Paulo, a Mega Kart venceu com Oscar Alves na categoria Executive depois de marcar a pole position entre 18 competidores. Outra vitória da Mega Kart na Copa São Paulo Granja Viana veio na DD2, que permite a participação de chassis importados. Brasileira, a Mega Kart, com Nelsinho Stanisci, manteve a invencibilidade e venceu pela quarta vez em quatro etapas.

A terceira vitória da Mega Kart na Granja Viana veio com Guilherme Oliva, vencedor na Rotax Mini Max Rookie e 2º colocado na geral.

Em Paulínia, no Kartódromo San Marino, a Mega Kart subiu no degrau mais alto do pódio na categoria F4 Graduados, com o piloto Bruno Lima.

Fechando o ótimo final de semana, a Mega Kart dominou quatro categorias do Campeonato Serrano, em Guapimirim (RJ). Na F4 Graduados, o vencedor foi André Cupello, que assim como todos os outros pilotos Mega Kart, utiliza o vencedor chassi MX. Otto Vanier venceu na F4, Marcos Coração foi o vencedor na V4 e Aldo Russo dominou na F4 Super Sênior, além de marcar a pole position.

“Mais um final de semana de confirmação da qualidade e competitividade do nosso chassi, vencedor em três campeonatos e dois Estados distintos e em diversas categorias diferentes entre si, especialmente na DD2, que permite a participação de chassis importados”, apontam Waldíbio Ferraz e Marcos Ferreira, diretores da Mega Kart. “Temos que, mais uma vez, agradecer aos pilotos e às equipes que confiam em nosso trabalho dentro e fora das pistas”, encerram.

Comments are closed.