Quick News

URacer Banner

José Muggiati Neto venceu na Júnior Menor e garantiu o bi campeonato no Sul-Brasileiro


| 8 anos atrás | Por:

Última bateria foi sensacional e três primeiros ficaram separados por apenas um ponto

Em seu primeiro ano na Júnior Menor, o paranaense José Muggiati Neto acaba de colher os primeiros frutos de sua dedicação e empenho na nova categoria. Na última sexta-feira (20), no Kartódromo Beto Carrero, em Penha (SC), depois de uma decisão – e de uma temporada – extremamente equilibrada, ele venceu a 17ª edição do Campeonato Sul-Brasileiro de Kart, sua segunda conquista consecutiva na competição.

Campeão da Cadete no ano passado, Muggiati chegou ao Beto Carrero com a difícil missão de vencer as duas baterias para sagrar-se campeão da categoria mais equilibrada do Sul-Brasileiro. Os treinos preparatórios, realizados na quinta-feira, foram ótimos e, junto com a I R Competições, Muggiati encontrou um bom acerto para seu equipamento, que resultou na pole-position para a primeira bateria.

Largando na pole, Muggiati fez ótima prova, bastante consistente, e venceu com larga diferença, de quase oito segundos sobre o segundo colocado, Gustavo Jorge, um dos pretendentes ao título. O primeiro passo para sagrar-se campeão havia sido dado, mas, ao contrário da primeira, a segunda bateria foi muito diferente.

Empolgante do início ao fim, a segunda bateria foi um espetáculo para o público presente no Kartódromo Beto Carrero e teve disputas eletrizantes: nas últimas voltas quatro pilotos lutavam pela vitória. Muggiati venceu novamente e comemorou seu segundo Campeonato Sul-Brasileiro, desta vez com a diferença de apenas um ponto para o vice-campeão e para o terceiro colocado, Edgar Bueno Neto e Stefano Marins, que terminaram empatados na segunda posição.

“Foi uma segunda bateria realmente de tirar a respiração”, avalia Irineu Rosa, da I R Competições, equipe de José Muggiati Neto. “Deu tudo certo, graças a Deus. Trabalhamos muito e o título foi uma recompensa ao trabalho iniciado no começo do ano com o Zezinho na Júnior Menor, uma categoria radicalmente diferente da Cadete, onde ele competia no ano passado. Muitos tinham chance de título e qualquer um que vencesse seria merecedor, o que valoriza ainda mais nossa conquista”, finalizou.

Comments are closed.