Quick News

João Vieira representa o Brasil no 2º Grande Prêmio das Américas de Kart


| 9 anos atrás | Por:
Foto: Flávio Quick

Foto: Flávio Quick


Na paradisíaca Cancún, no México, piloto do Tocantins buscará mais um título internacional

Após as acirradas disputas do Campeonato Brasileiro de Kart, em que competiu nas classes Graduados, Sudam e Sudam Júnior o piloto João Vieira (Nova Era Móveis Escolares | Mini), de 14 anos, irá disputar de amanhã até o próximo sábado o 2º Grande Prêmio das Américas de Kart – FIA.

A competição, destinada a pilotos com idades entre 12 e 14 anos, é uma reunião dos melhores atletas desta classe em seus países indicados pelas entidades gerenciadoras do esporte em cada região. A organização da prova é feita pela própria FIA – Federação Internacional de Automobilismo, com suporte da CODASUR (países da América do Sul) e NACAM (países da América do Norte, América Central e Caribe).

Único Brasileiro a participar da disputa o jovem João Vieira é um dos favoritos ao título da competição. O piloto conquistou sua vaga ao vencer a primeira Copa das Federações de Kart, disputada no início do ano no Kartódromo de Serra, no Espírito Santo. Com experiência internacional baseada no título do SKUSA, em Las Vegas – 2010 e  várias participações no Campeonato Sul-Americano, Vieira também tem inúmeros títulos em campeonatos nacionais e regionais.

Esta segunda edição do Grande Prêmio das Américas de Kart será disputada no Autódromo de Cancún, em um traçado montado de forma exclusiva para a prova. As atividades serão executadas de forma compacta, começando com treinos livres (particulares) amanhã. Na sexta-feira serão quatro treinos de 25 minutos, a tomada de tempos e a primeira classificatória. No sábado, finalmente, os competidores retornam à pista para a bateria Pré-Final e a Final.

“Estou bastante animado pela oportunidade de poder representar o Brasil nesta importante competição. Iremos utilizar um equipamento diferente do que estou acostumado a competir, mas, com os treinos livres tenho certeza que poderei me adaptar bem. A pista, que nenhum competidor conhece, será montada no autódromo de Cancún e acredito deverá ser bem larga e veloz. É uma experiência diferente para mim e farei o meu melhor para trazer o título para casa”, comentou o piloto de 14 anos.

Foto: Flávio Quick

Comments are closed.