Quick News

Gaúcho Pedro Goulart começa a buscar destaque em nível nacional


| 9 anos atrás | Por:

Um ano após iniciar carreira, piloto disputou Campeonato Brasileiro e competirá na Copa Brasil e Sul-Americano

Com sua carreira iniciada recentemente, em maio do ano passado, o piloto Pedro Goulart (ECS Racing) começa a buscar destaque no kartismo nacional. Hoje piloto da Júnior Menor, o gauchinho terá pela frente a disputa de competições importantes, como o Campeonato Sul-Americano, Copa Brasil, Copa das Federações e Super Kart Brasil.

Residente em Porto Alegre, Goulart teve seu primeiro contato com o kartismo em maio de 2011, quando fez um curso de pilotagem no Kartódromo de Tarumã, atividade que repetiu em julho, quando aprendeu mais um pouco, agora em novo curso, no Kartódromo do Velopark. Neste mesmo mês seu pai Volmir adquiriu o primeiro kart e Pedro participou de sua primeira corrida, em Venâncio Aires, conquistando o 4º lugar na categoria Cadete.

Ainda em 2011 Pedro Goulart conquistou seus primeiros resultados expressivos, dentre eles o vice na Copa Fruki, o 4º lugar no Campeonato Gaúcho e o 2º lugar na 1 Hora de Venâncio Aires. “Esse primeiro kart era velho e desalinhado, mas serviu para que o Pedro pudesse ganhar algum conhecimento e experiência”, lembra Volmir Goulart. “Este ano melhoramos o equipamento e compramos chassis novos, da Techspeed, e já temos boa evolução nas pistas”, emenda.

Pedro Goulart iniciou a atual temporada competindo na Cadete e conquistou várias vitórias, que o incentivaram a trocar de categoria. E a partir de abril ele começou a competir na Júnior Menor. Apesar da dificuldade natural que a troca para uma categoria com motor de 125cc proporciona, Goulart manteve a série de bons resultados, vencendo uma etapa do Regional da Serra e conquistando pódios no Gaúcho, na Copa Sul e no Sul-Brasileiro.

Os bons resultados o levaram a competir no Campeonato Brasileiro, disputado em julho no Kartódromo Beto Carrero, em Santa Catarina. Pedro Goulart (ECS Racing) competiu na Júnior Menor, categoria que teve 31 pilotos na pista, e obteve o 16º lugar após uma série de boas apresentações. “Ele competiu contra pilotos muito mais experientes em sua maioria e chegou a superar alguns deles. Então, pelo aspecto de aprendizado, foi um resultado que consideramos significativo”, diz Volmir Goulart.

Atualmente Pedro Goulart é atendido tecnicamente pelo preparador Laco, que vem buscando corrigir alguns defeitos. “O Pedro olha muito para trás e isto atrapalha muito. É um defeito pequeno, mas natural, que aos poucos vamos corrigindo. Mas isso não nos impede de estarmos otimistas para os próximos compromissos”, avalia Volmir Goulart, referindo-se à 2ª etapa do Gaúcho em agosto em Tarumã e à final do Sul-Brasileiro em setembro, em Farroupilha.

Depois de competir em etapas do Gaúcho, Sul-Brasileiro e Regional da Serra, Pedro Goulart terá pela frente a disputa de eventos muito importantes, em nível nacional e internacional, como a Copa Brasil e Copa das Federações e o Campeonato Sul-Americano, no Uruguai. “Assim como todo piloto em início de carreira, queremos que o Pedro possa aprender o máximo possível e da forma mais rápida”, explica Volmir Goulart. “Por isso ele já está competindo em campeonatos grandes, com grids cheios, pois é dessa forma que ele efetivamente aprenderá. Os resultados virão mais tarde”, finaliza.

Comments are closed.