Quick News

4BTS

Florida Winter Tour: Matheus Morgatto vence em Ocala


| 7 anos atrás | Por:

 

Foram três vitórias em quatro corridas. Piloto brasileiro agora é o novo vice-líder da categoria MicroMax e está na briga direta pelo titulo

 

No ultimo final de semana (14, 15 e 16/02) aconteceu na Florida (EUA) o Ocala Gran Prix, segunda rodada de corridas do Florida Winter Tour, das classes com motorização Rotax e que reuniu mais de 350 pilotos em suas disputas. Também nesta etapa um único brasileiro alinhou para as provas da categoria MicroMax, motivo que tornou o paulista Matheus Morgatto (Americanet/ RPG- Rolison Performance Group/ Legree Motorsports) aquilo que o dramaturgo Nelson Rodrigues chamaria de “A Pátria em Sapatilhas”.

 

Após o encerramento dos treinos livres, na sexta-feira (14/02) foram realizadas as tomadas de tempos classificatórios, de todas categorias, para a definição das grelhas de partida nas provas de sábado e domingo. Foram realizadas duas praticas classificatórias para cada classe, a primeira formadora do grid da Pré-Final de domingo e a segunda, que apontou a ordem dos bólidos no grid da Pré-Final de sábado.

 

Morgatto garantiu a P2 para a Pré-Final de domingo e em uma verdadeira flying lap conquistou a pole position para a primeira corrida do sábado.

 

Na Pré-Final da corrida de sábado Matheus fez o que o organizador do certame norte-americano Bill Wright chamou de “uma pilotagem estrelar”. Morgatto largou na pole e conseguiu impor um rimo de prova muito bom, pois mesmo sempre acompanhado de perto pelo canadense Joshua Cunha, o veloz brasileirinho liderou o pelotão de 30 competidores da MicroMax da primeira até a última volta.

 

O resultado vitorioso garantiu também a pole position da bateria Final do sábado. Autorizada a largada, Matheus manteve a dianteira, com Cunha perdendo a P2 para o norte-americano Reece Gold, que trouxe consigo seu compatriota Arias Deukmedjian na terceira posição. Mas até o fechamento da quinta passagem Joshua Cunha já havia conseguido retomar os postos perdidos e era o vice-líder da corrida.

 

Todavia um acidente na Curva 1 do circuito determinou a apresentação da “red flag” e conseqüente paralisação da prova, para efeito de atendimento aos pilotos acidentados e limpeza da pista. Nada de grave aconteceu com os envolvidos na “panca” e os bólidos foram re-alinhados, em fila única.

 

Green flag e Matheus Morgatto disparou, mais uma vez, na liderança. Porém, agora com os karts reagrupados e mais próximos. Restando duas voltas para o encerramento, Morgatto, Cunha, Gold e Deukmedjian travavam intenso combate pela vitória. Decididos a não permitir nova vitória do “brazuca”, Reece e Cunha passaram a trabalhar em conjunto, executando uma pratica muito comum no kart de o kart de trás colar no dianteiro e com menor resistência do vento passar a empurrar o kart da frente, beneficiando ambos. A manobra deu certo e ambos conseguiram superar o brasileiro voador, que não se deu por batido e partiu para o ataque.

 

Checkered flag nas mãos do Diretor de Provas e os três karts rasgam a reta em direção à linha de chegada como se fosse um corpo único. Por um bico de vantagem Reece Gold ficou com a vitória, com o canadense em segundo e  Morgatto em terceiro.

 

Domingo no Parque

 

Com a P2 da Pré-Final de domingo já “no bolso”, Matheus chegou ao circuito de Ocala determinado a ganhar as duas corridas do dia para poder continuar na brigar pelo título. E desde o warm-up ele mostrou que não estava na terra de Tio Sam para brincadeiras e tratou de impor um ritmo muito forte, mesmo andando de cara para o vento conseguiu estabelecer tempos de voltas muito bons.

 

Largar pela fila externa é sempre complicado no kart. É estar fora do traçado ideal e quase sempre é impossível conseguir “encaixar” o carro em meio à longa fila que se forma pelo lado interno da pista. Tentar contornar ladeando por fora é, também, uma tarefa arriscada, já que as chances de ir “passear na grama” é potencialmente muito grande.

 

Inteligentemente Matheus Morgatto evitou envolver-se em algum acidente no momento do “start” e acabou perdendo algumas posições. Duas, três curvas depois da largada ocupava a quarta posição, mas no fechamento da primeira passagem já era o P3 e com o segundo na alça de mira.

 

Com a frieza de um experiente guerreiro, Morgatto também superou o vice-líder da competição e partiu para a aproximação do líder da corrida. Porém, ao invés de partir para o combate direto Matheus traçou rapidamente uma estratégia de apenas “comboiar” o ponteiro da prova e, assim, permitir que ambos abrissem vantagem do restante do pelotão. E a estratégia deu certo. Acompanhando de perto o líder Matheus já tinha escolhido o ponto ideal para fazer a ultrapassagem e na penúltima curva, da última volta de corrida, Morgatto deu o bote fatal. Contornou as duas ultimas curvas e ingressou na reta final praticamente lado a lado com o incrédulo Reece Gold, para vencer a corrida Pré-Final e garantir a posição de honra para a corrida Final.

 

Matheus Morgatto parecia cumprir, rigorosamente, um script que havia criado em seu cérebro e, autorizada a largada da Final, acelerou fundo, deixando para trás o norte-americano Jo Nuñez, o venezuelano Anthony Famularo e seu principal adversário, o norte-americano Reece Gold. Gold conseguiu superar os dois concorrentes que seguiam à frente e buscou aproximar-se de Morgatto, disposto a dar o troco da Pré-Final. Mas, por mais que tentasse, Gold não conseguia a aproximação. Morgatto tocava seu kart com perfeição, impondo um ritmo avassalador, que se traduziu em uma belíssima vitória de ponta a ponta.

 

O pequeno brasileiro certamente tirou o sono dos “gringos”, que terão pesadelos com o #62 até a etapa final em Orlando!

 

O festejado preparador de motores brasileiro que é radicado nos EUA, Ricardo Legree, foi o responsável pela preparação das verdadeiras “kraftwerke” disponibilizadas aos pilotos brasileiros Matheus Morgatto e Caio Collet, da categoria Rotax MiniMax. Entusiasmado com o que viu na pista dessa novíssima geração de talentos “Made in Brazil”, disse: “Esse foi um final de semana muito produtivo, em Ocala. E não seria por menos, pois ter dois talentos tão jovens em minha equipe é um privilégio muito grande. Além disso, também contamos com a experiência do nosso amigo Waltinho Travaglini e isso fortaleceu ainda mais um ótimo relacionamento em nossa equipe”.

 

“Esses dois pilotos Caio (Collet) e Morgato, vem se destacando cada vez mais e aumentando as expectativas de saírem campeões do FWT. Morgato teve tudo perfeito para fechar seu final de semana com vitórias e brilho nos olhos, pois a equipe RPG fez um bom trabalho e entregou para ele um ótimo equipamento. Por sua vez, Morgato tirou proveito disso e soube utilizar cem por cento do equipamento, com o qual fez pole e fechou um final de semana de vitórias”, exultou Legree.

 

“Matheus pilotou como gente grande. Essa molecada são mesmo do batuque. Ficar na frente deles não é fácil, pois a determinação, a garra e pensamento rápido fazem a diferença neste tipo de esporte. Caio e Morgato hoje já fazem parte da história da Legree Motorsports e é bom ter essas feras em minhas histórias, pois me trazem alegrias e prestígio. Valeu mulecada, até Orlando!”, concluiu o reconhecido “champion maker”.

 

Confira a pontuação da GT7 Motorsports Rotax Micro Max (10 primeiros)

1.- #55 Reece Gold, com 945 pontos

2.- #62 Matheus Morgatto (Americanet/ RPG- Rolison Performance Group/ Legree Motorsports), 841

3.- #80 Arias Deukmedjian, 707

4.- #27 Joshua Cunha, 697

5.- #11 Alessandro Famularo, 592

6.- #87 Jeremy Fairbairn, 592

7.- #12 Anthony Famularo, 571

8.- #20 Alessandro de Tullio, 495

9.- #24 Jo Nuñez, 454

10.- #52 Jak Crawford, 431

 

Domingo

GT7 Motorsports Rotax Micro Max – Pre-Final

1.- #62 Matheus Morgatto – Brazil – (Kosmic/ Legree Motorsports Rotax), com 14 voltas em 09:48.194

10           00:41.251

2.- #55 Reece Gold (Florida/ USA), a 0.028 (Tony Kart/ CMW Engines Rotax)

3 .- #87 Jeremy Fairbairn (Florida/ USA), a 0.136 (+0.108) – (AM Racing Kart/ AM Engines Rotax)

4.-  #24 Jo Nuñez (Florida/ USA), a 1.127 (+0.991) – (Benek/ Bordogna Racing Engines Rotax)

5.- #58 Sebastian Montoya, a 2.289 (+1.162) – (Birel/ AM Engines Rotax)

6.- #12 Anthony Famularo (Venezuela), a 2.480 (+0.191) – (AM Racing Kart/ AM Engines Rotax)

7.- #20 Alessandro de Tullio (Florida/ USA), a 4.925 (+2.445) – (Birel/ JC Engines Rotax)

8.- #52 Jak Crawford (Texas/ USA), a 5.008 (+0.083) – (Birel/ CMW Engines Rotax)

9 .-#11 Alessandro Famularo (Venezuela), a 9.698 (+4.690) – (AM Racing Kart/ AM Engines Rotax)

10.- #08 Thomas Nepvev (Quebec/ Canada), a 12.399 (+2.701) – (FA Kart/ SH Karting Rotax)

11.- #51 Gabriella Ramirez (Florida/ USA), a 13.214 (+0.815) – (Tony Kart/ Ocala Gran Prix Rotax)

12.- #21 Marcelo Garcia (Texas/ USA), a 13.424 (+0.210) – (FA Kart/ Falcone GP Rotax)

13.- #37 Jeremy Tallon (Ontario/ Canada), a 15.719 (+2.295) – (Birel/ HRS Rotax)

14.- #98 Logan Stretch (Texas/ USA), a 15.899 (+0.180) – (Sodi Rotax)

15.- #80 Arias Deukmedjian (Florida/ USA), a 26.877 (+10.978) – (AM Racing Kart/ AM Engines Rotax)

16.- #3 Danica Humphreys (Louisiana/ USA), a 27.079 (+0.202) – Kosmic/ Rotax)

17.- #66 Gianluca Cavaglio (Ontario/ Canada), a 27.237 (+0.158) – (OK1/ Rotax)

18.- #9 David E. Cardenas Parra (Colombia), a 28.861 (+1.624) – (Tony Kart/ Ocala Gran Prix Rotax)

19.- #73 Connor Zilisch (North Carolina/ USA), a 29.516 (+0.655) – (Arrow/ Rotax)

20.- #8 Diego Felipe Contecha Porras (Colombia), a 29.598 (+0.082) – (Tony Kart/ Rotax)

21.- #85 Chase Heffner (Florida/ USA), a 34.275 (+4.677) – (Tony Kart/ CMW Engines Rotax)

22.- #30 Ryan Rackley (Georgia/ USA), a 36.825 (+2.550) – (Tony Kart/ Bordogna Racing Engines Rotax)

23.- #33 Chloe Chambers (New York/ USA), a 4 voltas (Birel/ OVRP Rotax)

24.-         #23 Arti Flores

(México), a 10 voltas (CRG/ AM Engines Rotax)

25.-         #27 Joshua Cunha

(Ontario/ Canada), a 11 voltas (Intrepid/Rotax)

26.-         #07 Santi Villagomez

(México), a 13 voltas (CRG/ AM Engines Rotax)

27.-         #14 Chase J. Oliveri (Florida/ USA), sem tempo (Birel/ AM Engines Rotax)

28.-         #77 Tyler Maxson (Georgia/ USA), sem tempo (Tony Kart/ AM Engines Rotax)

29.-         #29 Noel Jesus Leon Vazquez México), sem tempo (CRG/ Kart Guero Rotax)

30.-         #99 Arturo Alcalde (Venezuela), sem tempo (AM Racing Kart/ AM Engines Rotax)

Melhor Volta: #58 Sebastian Montoya, com 41.144

 

GT7 Motorsports Rotax Micro Max – Final

1.- #62 Matheus Morgatto – Brazil – (Kosmic/ Legree Motorsports Rotax), com 16 voltas em 11:10.147

2.- #55 Reece Gold (Florida/ USA), a 0.239 (Tony Kart / CMW Engines Rotax)

3.- #24 Jo Nuñez (Florida/ USA), a 1.282 +1.043) (Benek / Bordogna Racing Engines Rotax)

4.- #27 Joshua Cunha (Ontario/ Canada), a 2.704 (+1.422 – (Intrepid/Rotax)

5.- #11 Alessandro Famularo (Venezuela), a 2.925 (+0.221) (AM Racing Kart/ AM Engines Rotax)

6.-  #87 Jeremy Fairbairn (Florida/ USA), a 3.367 (+0.442) – (AM Racing Kart / AM Engines Rotax)

7.- #58 Sebastian Montoya (Colombia), a 3.480 (+0.113) – (Birel/ AM Engines Rotax)

8.- #08 Thomas Nepvev (Quebec/ Canada), a 4.023 (+0.543) – (FA Kart/ SH Karting Rotax)

9.- #52 Jak Crawford (Texas/ USA), a 6.094 (+2.071) – (Birel/ CMW Engines Rotax)

10.- #85 Chase Heffner (Florida/ USA), a    7.042 (+0.948) – (Tony Kart/ CMW Engines Rotax)

11.- #66 Gianluca Cavaglio (Ontario/ Canadá), a 9.291 (+2.249) – (OK1/ Rotax)

12.- #9 David E. Cardenas Parra (Colombia), a 9.324 (+0.033) – (Tony Kart/ Ocala Gran Prix Rotax)

13.- #37 Jeremy Tallon (Ontario/ Canada), a 9.860 (+0.536) – (Birel/ HRS Rotax)

14.- #80 Arias Deukmedjian (Florida/ USA), a 11.678 (+1.818) – (AM Racing Kart/ AM Engines Rotax)

15.- #20 Alessandro de Tullio (Florida/ USA), a 14.141 (+2.463) – (Birel/ JC Engines Rotax)

16.- #8 Diego Felipe Contecha Porras (Colombia), a 14.317 (+0.176) – (Tony Kart/ Rotax)

17.- #51 Gabriella Ramirez (Florida/ USA), a 14.438 (+0.121) – (Tony Kart/ Ocala Gran Prix Rotax)

18.- #21 Marcelo Garcia (Texas/ USA), a 15.189 (+0.751) – (FA Kart/ Falcone GP Rotax)

19.- #99 Arturo Alcalde (Venezuela), a 19.626 (+4.437) – (AM Racing Kart/ AM Engines Rotax)

20.- #98 Logan Stretch (Texas/ USA), a 19.874 (+0.248) – (Sodi/ Rotax)

21.- #14 Chase J. Oliveri (Florida/ USA), a 19.987 (+0.113) – (Birel/ AM Engines Rotax)

22.- #29 Noel Jesus Leon Vazquez (México), a 24.275 (+4.288) – (CRG/ Kart Guero Rotax)

23.- #3 Danica Humphreys (Louisiana/ USA), a 26.786 (+2.511) – (Kosmic/ Rotax)

24.- #12 Anthony Famularo (Venezuela), a 34.109 (+7.323) – (AM Racing Kart/ AM Engines Rotax)

25.- #77 Tyler Maxson (Georgia/ USA), a 37.707 (+3.598) – (Tony Kart/ AM Engines Rotax)

26.- #33 Chloe Chambers (New York/ USA), a 38.668 (+0.961) – (Birel / OVRP Rotax)

27.- #73 Connor Zilisch (North Carolina/ USA), a 40.964 (+2.296) – (Arrow/ Rotax)

28.- #23 Arti Flores (México), a 4 voltas (CRG / AM Engines Rotax)

29.- #30 Ryan Rackley (Georgia/ USA), a 15 voltas (Tony Kart/ Bordogna Racing Engines Rotax)

30.-#07 Santi Villagomez (México), a 15 voltas (CRG/ AM Engines Rotax)

Melhor Volta: #27 Joshua Cunha, com 00:41.178

 

Sábado

GT7 Motorsports Rotax Micro Max – Pre-Final

1.- #62 Matheus Morgatto – Brazil – (Kosmic/ Legree Motorsports Rotax), com 14 voltas em 09:47.290

2.- #27 Joshua Cunha (Ontario/ Canada), a 0.148 (Intrepid/Rotax)

3.- #55 Reece Gold (Florida/ USA), a 0.238 (+0.090) – (Tony Kart/ CMW Engines Rotax)

4.- #80 Arias Deukmedjian (Florida/ USA), a 1.475 (+1.237) – (AM Racing Kart / AM Engines Rotax)

5.- #24 Jo Nuñez (Florida/ USA), a 1.606 (+0.131) – (Benek/ Bordogna Racing Engines Rotax)

6.- #11 Alessandro Famularo (Venezuela), a 5.286 (+3.680) – (AM Racing Kart/ AM Engines Rotax)

7.- #85 Chase Heffner (Florida/ USA), a 5.342 (+0.056) – (Tony Kart/ CMW Engines Rotax)

8.- #58 Sebastian Montoya (Colombia), a 5.510       (+0.168) – (Birel/ AM Engines Rotax)

9.- #12 Anthony Famularo (Venezuela), a 6.141 (+0.631) – (AM Racing Kart/ AM Engines Rotax)

10.- #87 Jeremy Fairbairn (Florida/ USA), a 6.183 (+0.042) – (AM Racing Kart/ AM Engines Rotax)

11.- #21 Marcelo Garcia (Texas/ USA), a 13.640 (+7.457) – (FA Kart / Falcone GP Rotax)

12.- #77 Tyler Maxson (Georgia/ USA), a 13.753 (+0.113) – (Tony Kart/ AM Engines Rotax)

13.- #66 Gianluca Cavaglio (Ontario/ Canada), a 17.545 (+3.792) – (OK1/ Rotax)

14.- #37 Jeremy Tallon (Ontario/ Canada), a 18.005 (+0.460) – (Birel/ HRS Rotax)

15.- #30 Ryan Rackley (Georgia/ USA), a 18.365 (+0.360) – (Tony Kart/ Bordogna Racing Engines Rotax)

16.- #08 Thomas Nepvev (Quebec/ Canada), a 23.664           (+5.299) – (FA Kart/ SH Karting Rotax)

17.- #9 David E. Cardenas Parra (Colombia), a 23.671            (+0.007) – (Tony Kart/ Ocala Gran Prix Rotax)

18.- #3 Danica Humphreys (Louisiana / USA), a 24.148 (+0.477) – (Kosmic/ Rotax)

19.- #99 Arturo Alcalde (Venezuela), a 24.512 (+0.364) – (AM Racing Kart/ AM Engines Rotax)

20.- #98 Logan Stretch (Texas / USA), a 30.494 (+5.982) – (Sodi/ Rotax)

21.- #33 Chloe Chambers (New York/ USA), a 32.975 (+2.481) – (Birel/ OVRP Rotax)

22.- #8 Diego Felipe Contecha Porras (Colombia), a 38.390 (+5.415) – (Tony Kart/ Rotax)

23.- #23 Arti Flores (México), a 4 voltas (CRG/ AM Engines Rotax)

24.- #20 Alessandro de Tullio (Florida/ USA), a 8 voltas –  (Birel/ JC Engines Rotax)

25.- #52 Jak Crawford (Texas/ USA), a 10 voltas – (Birel/ CMW Engines Rotax)

26.- #29 Noel Jesus Leon Vazquez (México), a 12 voltas – (CRG/ Kart Guero Rotax)

27.- #51 Gabriella Ramirez (Florida/ USA), a 13 voltas – (Tony Kart/ Ocala Gran Prix Rotax)

28.- #14 Chase J. Oliveri (Florida/ USA), sem tempo – (Birel/ AM Engines Rotax)

29.- #73 Connor Zilisch (North Carolina/ USA), sem tempo – (Arrow / Rotax)

30.- #07 Santi Villagomez (México), sem tempo – (CRG/ AM Engines Rotax)

Melhor Volta: #80 Arias Deukmedjian, com 41.366

 

GT7 Motorsports Rotax Micro Max – Final

1.- #55 Reece Gold (Florida/ USA), com 16 voltas em 23:20.551 – (Tony Kart / CMW Engines Rotax)

2.- #27 Joshua Cunha (Ontario/ Canadá), a 0.321 (Intrepid/Rotax)

3.- #62 Matheus Morgatto – Brazil – (Kosmic/ Legree Motorsports Rotax), a, a 0.577 (+0.256)

4.- #80 Arias Deukmedjian (Florida/ USA), a 0.705 (+0.128) – (AM Racing Kart/ AM Engines Rotax)

5.- #87 Jeremy Fairbairn (Florida/ USA), a 1.498 (+0.793) – (AM Racing Kart/ AM Engines Rotax)

6.- #11 Alessandro Famularo (Venezuela), a 1.751 (+0.253) – (AM Racing Kart/ AM Engines Rotax)

7.- #12 Anthony Famularo (Venezuela), a 1.972 (+0.221) – (AM Racing Kart/ AM Engines Rotax)

8.- #85 Chase Heffner (Florida/ USA), a 3.674 (+1.702) – (Tony Kart/ CMW Engines Rotax)

9.- #24 Jo Nuñez (Florida/ USA), a 10.059 (+6.385) – (Benek/ Bordogna Racing Engines Rotax)

10.- #66 Gianluca Cavaglio (Ontario/ Canada), a 10.886 (+0.827) – (OK1/ Rotax)

11.- #21 Marcelo Garcia (Texas/ USA), a 11.277 (+0.391) – (FA Kart/ Falcone GP Rotax)

12.- #52 Jak Crawford (Texas/ USA), a 11.323 (+0.046) – (Birel/ CMW Engines Rotax)

13.- #08 Thomas Nepvev (Quebec/ Canada), a 11.537 (+0.214) – (FA Kart/ SH Karting Rotax)

14.- #20 Alessandro de Tullio (Florida / USA), a 12.921 (+1.384) – (Birel/ JC Engines Rotax)

15.- #14 Chase J. Oliveri (Florida/ USA), a 13.541 (+0.620) – (Birel/ AM Engines Rotax)

16.- #29 Noel Jesus Leon Vazquez (México), a 13.901 (+0.360) – (CRG/ Kart Guero Rotax)

17.- #30 Ryan Rackley (Georgia/ USA), a 16.238 (+2.337) – (Tony Kart/ Bordogna Racing Engines Rotax)

18.- #37 Jeremy Tallon (Ontario/ Canada), a (Birel/ HRS Rotax)

19.- #99 Arturo Alcalde (Venezuela), a 18.521 (+42.278) – (AM Racing Kart/ AM Engines Rotax)

20.- #9 David E. Cardenas Parra (Colombia), a 18.626 (+0.105) – (Tony Kart/ Ocala Gran Prix Rotax)

21.- #98 Logan Stretch (Texas/ USA), a 19.419 (+0.793) – (Sodi/ Rotax)

22.- #73 Connor Zilisch (North Carolina/ USA), a 20.143 (+0.724) – (Arrow/ Rotax)

23.- #58 Sebastian Montoya Colombia), a 23.668 (+3.525) – (Birel/ AM Engines Rotax)

24.- #3 Danica Humphreys (Louisiana/ USA), a 30.013 (+6.345) – (Kosmic/ Rotax)

25.- #8 Diego Felipe Contecha Porras (Colombia), a 30.334 (+0.321) – (Tony Kart/ Rotax)

26.- #23 Arti Flores (México), a 39.291 (+8.957) – CRG/ AM Engines Rotax)

27.- #07 Santi Villagomez (México), a 39.381 (+0.090) – (CRG/ AM Engines Rotax)

28.- #77 Tyler Maxson (Georgia/ USA), a 12 voltas – (Tony Kart/ AM Engines Rotax)

29.- #51 Gabriella Ramirez

(Florida / USA), a 12 voltas (+5.236) – (Tony Kart/ Ocala Gran Prix Rotax)

30.- #33 Chloe Chambers (New York / USA), sem tempo (Birel/ OVRP Rotax)

Melhor Volta: #27 Joshua Cunha, com 41.405

 

 

 

 

Comments are closed.