Quick News

MG Tires Banner

Em busca de experiência internacional, Gianluca Petecof disputa Skusa Supernationals em Las Vegas


| 7 anos atrás | Por:

Vencedor do Campeonato Brasileiro e da Copa Brasil de Kart nesta temporada, o piloto paulista volta aos Estados Unidos para fazer parte do grid de uma das mais importantes competições de kart do mundo
Um dos grandes destaques do kartismo brasileiro em 2013, Gianluca Petecof será um dos representantes do país no tradicional Skusa Supernationals, competição que reúne alguns dos melhores pilotos do mundo na modalidade e terá sua 17ª edição disputada entre 20 e 24 de novembro, em um circuito montado no imenso estacionamento do Rio All-Suites Hotel e Casino, em Las Vegas. Depois de uma temporada brilhante, na qual obteve os dois principais títulos na categoria Júnior Menor, Petecof, que completou 11 anos no último dia 14, vai fazer parte do grid da TaG Cadet, destinada a pilotos entre 8 e 12 anos.

Gianluca correrá com o #110 que o consagrou nesta temporada com os títulos de campeão do Campeonato Brasileiro e da Copa Brasil. Entretanto, o equipamento usado pelo piloto será um pouco diferente ao que está acostumado a guiar no Brasil, de modo que Petecof teve de fazer algumas sessões de testes para se adaptar às dimensões do chassi que vai usar em Las Vegas antes do embarque para os Estados Unidos. Nesta edição do Skusa Supernationals, o paulista vai representar a equipe AM Engines.

Competir em Las Vegas não será novidade para Gianluca. Esta é a terceira vez que o paulista vai disputar o Skusa Supernationals. Em 2012, o piloto cumpriu seu objetivo e chegou à final da competição. Além disso, o brasileiro também já competiu em outras provas no exterior, como, por exemplo, no tradicional Florida Winter Tour, onde conseguiu ficar três vezes entre os cinco primeiros num grid com mais de 40 oponentes.

O extenso grid da TaG Cadet no Skusa Supernationals é um dos desafios que o campeão brasileiro terá de enfrentar ao longo dos próximos dias. Serão nada menos que 88 pilotos de 15 países, o que dá uma dimensão da importância global do evento. Para Petecof, seu objetivo inicial em Las Vegas é, antes de tudo, acumular experiência internacional e aprendizado, enquanto sua meta dentro da pista é se classificar para o ‘Super Sunday’, a grande final, que será disputada por 40 pilotos.

A programação do 17º Skusa Supernationals compreende a disputa de treinos livres na quarta e na quinta-feira à tarde, tomada de tempo e as três baterias classificatórias entre sexta e sábado, e a finalíssima no domingo. Diferente dos campeonatos nacionais, as baterias classificatórias têm caráter eliminatório e também ajudarão a formar o grid de largada com os 40 pilotos que buscarão o título em Las Vegas no ‘Super Sunday’. A competição distribuirá, ao todo, US$ 100 mil em prêmios.

Gianluca Petecof:

“Estou bem tranquilo e feliz pela chance de disputar uma competição tão importante como o Skusa, que terá, na minha categoria, nada menos que 88 competidores, de vários países. Acredito que nessa situação, o mais importante é o aprendizado e a experiência internacional. Diferente de nós, a maioria dos competidores utiliza e desenvolve esse kart durante todo o ano e essa é a categoria deles, enquanto nós vamos guiar este chassi apenas aqui, com dois dias de treinos. Então, o objetivo é evoluir rápido e buscar um bom resultado para poder representar o Brasil na grande final de domingo.”

 

Comments are closed.