Quick News

Hotel oficial da Copa SP Light de Kart

Eduardo Souto viveu temporada de recuperação e de grandes participações


| 7 anos atrás | Por:

Voltando aos poucos às competições, piloto catarinense viveu ótimo final de ano

Vivendo um final de temporada bastante intenso, o catarinense Eduardo Souto (Sicoob | JS Prime) disputou durante a última semana a 3ª edição da Copa das Federações, realizada no Kartódromo Beto Carrero, em Penha. Foi a segunda participação de Souto em eventos na pista catarinense nas últimas três semanas e em ambas os resultados foram bastante positivos.

O ano de 2013 foi bastante difícil para Eduardo Souto em razão de um acidente sofrido ainda na temporada passada, que resultou em lesões nas costelas e nos pulmões. Depois de um tratamento intensivo e de muitas sessões de fisioterapia, Souto retornou às pistas de forma gradativa ao longo deste ano.

Participando de provas esporádicas, Souto teve ótimas participações especialmente no Campeonato Brasileiro e Sul-Brasileiro e conquistou o tricampeonato catarinense, o que lhe valeu a vaga na Copa das Federações. O auge da temporada, porém, chegou no final de novembro e no último final de semana, em dois finais de semana de competição no Kartódromo Beto Carrero.

Integrando a equipe Nelsinho e Marquinhos Racing, composta também por Alain Sisdeli, André Castro, Bruno Mazon, Mauro Auricchio, Rodrigo Baptista e Zaiya Fontana, Eduardo Souto disputou pela primeira vez uma edição da famosa 500 Milhas, pelo terceiro ano realizada no Beto Carrero. O resultado foi bastante positivo e, após ter liderado durante muitas voltas, o time terminou no pódio da categoria principal, em 5º, após 12 horas de prova.

Por fim, fechando a temporada, Eduardo Souto (Sicoob | JS Prime) conquistou o terceiro lugar na Copa das Federações no último sábado. Competindo pela categoria Júnior – onde permanecerá em 2014 -, o catarinense chegou a estar próximo do título, em segundo, mas quando buscava atacar o líder teve problemas com o suporte da bomba de água ainda na 8ª das 25 voltas realizadas, o que interferiu na refrigeração do motor.

“Foi uma boa temporada, ainda que eu não a tenha disputado de forma completa em razão do acidente de 2012”, avalia Eduardo Souto. “O final do ano foi fantástico, participando de dois ótimos eventos, especialmente as 500 Milhas, quando dividimos as pistas com pilotos que são nossos ídolos. Ano que vem tem mais e espero que tudo seja ainda melhor”, finaliza o piloto.

Comments are closed.